Postagens

Meu nome não é Djêimis

Imagem
Acredito que, a essa altura do campeonato, já é possível visualizar o tão alardeado legado da Copa. Claro que o quadro, nem sendo tão feio nem tão agradável quanto pintado por defensores e detratores, é absolutamente diferente de qualquer previsão. Entre os entusiastas da copa, agora ampla maioria, destaca-se a possível maior integração entre a América Latina, que seria causada pela maior convivência entre os povos durante o Mundial do Brasil. Exagero a parte, ao menos uma coisa há de se admitir, depois da Copa, muitos brasileiros restarão sabendo que o J em espanhol tem som de R, graças ao jogador James (pronuncia-se "Rames") Rodríguez, do selecionado colombiano.

A confusão com o nome do meio-campista do Monaco (pronuncia-se Monacô, pois é francês) não vem de hoje e não é causada meramente pela ignorância da língua de García Márquez. Narradores e comentaristas já divergiam, sem debates, sobre a forma correta de pronunciar o que estava escrito em suas escalações dos jogos d…

Ócio. Sem ofício! #3

Imagem

Ócio. Sem ofício! #2

Imagem

Quem são e de que lado estão os oportunistas?

Imagem
Por Michael Guedes.
Nessa última semana minha vida parou: não! não foi nenhum concurso! não foi nenhum vestibular! não foi nenhum jogo do todo poderoso ABC! foi algo mais importante que tudo isso... Foi meu velho sonho de "amar e mudar as coisas" que voltou... Ok!! a semana acabou, e com ela novamente o sonho, e agora... A decepção. Mais uma vez a sensação de ser um bobo a procura de algo que não tem nome. Mas, esse detalhe a parte, relato minha impressão, pois essa sempre fica...
Esse movimento que vem se alastrando nos últimos dias é bastante motivante, impressionante e confuso. Por isso, gostaria que vocês lessem o que escrevo agora. Esta multidão que toma as ruas do Brasil (especialmente em minha cidade, Natal) não é a mesma que há um ano ou dois promovia o "Fora Micarla!" (assim como em SP o Movimento Passe Livre - MPL já alertou para a infiltração e tentativa de desvio de suas causas e bandeiras, por grupos desconhecidos).
Posso dividir aqueles que saíram às rua…

Ócio. Sem ofício!

Imagem

SORRISO AMARELO BRONZE

Imagem
Todo ano de olimpíadas é a mesma coisa: favoritos perdem, desconhecidos brilham, o acaso favorece alguns e derruba outros e há ainda o natural revesamento na ponta entre atletas do mesmo nível técnico. Salvo alguns fora de série, gênios da raça, que estão tecnicamente muito superiores aos demais, não é vergonha nenhuma você perder uma ou outra luta, partida, prova. Claro que é pior quando você perde a mais importante de um ciclo, que é a que valeria a luta por uma medalha olímpica. Quando se é uma potência olímpica, uma perda dessas não gera quase ou nenhum constrangimento. Mas quando se é um nanico olímpico, ou um médio, como o Brasil, qualquer perda é como se fosse um desastre. Sempre haverá frustrações nas olimpíadas e isso não é exclusividade do Brasil. Então não é possível diminuir ou acabar com esse sentimento que nos atormenta a cada ano bissexto? É possível diminuir a frustração geral, causada pelo fato de termos mais derrotas que vitórias nos jogos. Como? Todo mundo já sabe …

A última brisa da primavera...

Imagem
Sou um homem de poucos ídolos. Sempre foi assim. Talvez isso advenha da minha fase anarquista e meio iconoclasta (na acepção moderna da palavra). Tentei fazer uma lista rápida de pessoas das quais me considero fã e não enchi nem os dedos de uma mão (Considerando apenas as pessoas "famosas"). Claro que se eu me esforçar, e for menos rabugento, eu consigo enumerar mais pessoas pelas quais tenho uma profunda admiração. O fato é que sempre busquei pés-de-barro nos candidatos a ídolos e na maioria absoluta das vezes os encontrei. Ainda não sei se isso é fruto da minha rabugice ou se eu me enquadro no grupo de pessimistas crônicos. Enfim, eu faço essa reflexão há mais de vinte anos e venho desde então aumentando gradativamente a minha auto aceitação social.
A verdade é que as pessoas vivem da fé. Ou você acha mesmo que a maioria das pessoas que dizem ser Einstein o maior de todos os cientistas do século vinte sabem mesmo quem foi ele? As pessoas compram a ideia e pronto. Nunca lera…